__ (71) 3021-5353 ____ _ contato@rbdimagem.com.br

Soteropolitanos participam da 1ª Caminhada Viva Saúde no Dique do Tororó

Em comemoração ao Dia Mundial da Saúde, 7 de abril, cerca de 250 pessoas compareceram no Dique do Tororó, na manhã deste domingo (30), para participar da 1ª Caminha Viva Saúde. Promovida pela Secretaria de Saúde da Bahia (Sesab), com o apoio da Rede Brasileira de Diagnóstico (RBD), a ação realizou serviços de medição de pressão e glicemia na Tenda da Saúde, com atendimento da equipe de enfermagem da RBD.. A caminhada – em volta do Dique – começou por volta de 8h30, e corresponde a 2,6 km, aproximadamente.

Para o representante comercial Everaldo Brito, 56 anos, a ação é importante para que as pessoas incluam a prática de exercícios em suas rotinas. Ele, que tem pai e mãe com histórico de diabetes e hipertensão, garante que a caminhada no final de semana é sagrada. “Eu só deixo de ir se estiver doente. Uma gripe, algo assim. No normal, vou para a orla, para o Dique e outros pontos em que são legais de pratiar”, contou. Everaldo, que completou o percurso duas vezes, mediu a pressão em uma tenda montada no local.

Giovanna Correira, coordenadora de Qualidade da RBD, destacou que o evento promove não só o incentivo à prática de atividades para fins de saúde, mas também ação social – já que, conforme informação da organização, cada participante fez a doação de dois kg de alimentos não perecíveis. “É um evento de iniciativa público-privada, que visa fomentar esses hábitos para as pessoas, além da contribuíção com quem precisa. A expectativa é de que a ação se repita”, disse ao CORREIO.

Já o aposentado Abílio Fonseca, 70, contou que, embora não pratique exercícios físicos, o evento trouxe motivação para que ele completasse dez minutos de caminhada. “Eu achei bom, já ganhei meu dia hoje. Estou me sentindo bem melhor agora, quero começar a repetir”, relatou ele, que mora na região do Dique do Tororó.

A autônoma Maria Aparecida Lago, 58, também elogiou o evento. “É tanta coisa ruim no mundo, aí a gente vê uma ação como essa, que não só nos beneficia enquanto cidadãos, como também benecia a quem precisa com essas doações. É muito bom”, afirmou Maria, confessando que não estava disposta para completar o percurso de mais de 2km. “Eu me alonguei e dancei um pouco na aula de fitdance, acho que por hoje está bom”, contou, aos risos.

Os alimentos arrecadados na ação serão doados para a Associação Baiana de Assistência à Criança Cardiopata (ABACC).

RBD Realiza 1ª Caminhada Viva Saúde

Deixe uma resposta

Fechar Menu